Skin Care: Principais Tratamentos e suas Aplicações

O cuidado diário com a pele é essencial para mantermos um aspecto saudável e combatermos os sinais de envelhecimento. Além da rotina de skin care que falamos nos últimos posts, hoje em dia temos disponíveis uma gama enorme de produtos e tecnologias que amenizam o processo de envelhecimento da pele, deixando-a com uma aspecto saudável e natural.

Através de procedimentos dermatológicos estéticos, podemos melhorar a firmeza, os poros, atenuar manchas e linhas de expressão, vasinhos dilatados que conferem coloração avermelhada para a pele, estrias e gordurinhas localizadas. Conseguimos realçar a beleza de cada paciente, deixando as relações entre os 3 terços da face e suas estruturas mais harmônicas. Conheça nesse post alguns dos principais tratamentos utilizados nos cuidados com a pele:

Laser e Luz Intensa Pulsada

São tecnologias que geram uma energia que, quando em contato com a pele, promove alterações na mesma conforme o intuito do tratamento. Os “alvos” podem ser um pigmento do próprio organismo como a melanina (presente nas manchas de sol e nos pêlos), a tinta de uma de tatuagem, a hemoglobina (célula do sangue presente nos vasinhos dilatados e estrias recentes violáceas) ou até mesmo a água, como acontece com os lasers fracionados que estimulam a produção de colágeno novo por meio do aumento da temperatura do tecido alvejado.

Cada tecnologia atua de uma forma: algumas são aplicadas de modo uniforme em toda a superfície da pele, outras atingem apenas pequenos pontos da pele deixando áreas de tecido não tratados visando uma recuperação mais rápida e diminuição da formação de cicatrizes.

Os tratamentos que utilizam laser, proporcionam uma renovação da pele e das células, rejuvenescendo, remodelando colágeno, reduzindo flacidez, amenizando e suavizando as rugas, melhorando a aparência de poros dilatados e também amenizando manchas senis. Também é um ótimo aliado na eliminação de cicatrizes de acne.

Aqui na Clínica Fiore, temos disponíveis algumas dessas tecnologias: luz intensa pulsada, laser fracionado de CO2 e laser Nd:YAG 1064nm Q-SWITCHED.

Peelings

A palavra peeling provém do inglês “to peel”, ou seja, descamar. Assim, tanto para os peelings químicos quanto para os peelings físicos, o objetivo do procedimento é promover uma renovação celular por meio da descamação. Este procedimento é indicado nos casos de hipercromia (manchas de sol como melanoses solares e melasma), rejuvenescimento, acne e suas sequelas. Através do uso dos ácidos conseguimos a renovação epitelial melhorando o aspecto da pele, manchas, sinais derivados da acne, lesões, além de tratar rugas e linhas de expressão de forma muito eficaz. Pode ser também um aliado no tratamento de controle da oleosidade.

O peeling físico consiste em agentes indutores de descamação que podem ser desde lixas e cremes abrasivos, até aparelhos de microdermoabrasão por fluxo de cristais (peeling de cristal) ou as lixas de pontas de diamantes (peeling de diamantes), que consiste na aplicação direta sobre a pele de um equipamento mecânico gerador de pressão negativa e positiva simultânea e quimicamente inertes (ausência de produtos químicos).Trata-se de um procedimento minimamente invasivo, sendo uma técnica segura, na qual o equipamento possibilita regular os níveis de esfoliação sob pressão assistida. É uma técnica pouco dolorosa e pode ser realizada durante o ano todo e em qualquer tipo de pele, sem a necessidade de anestésico tópico.

Peelings químicos são realizados através da aplicação de agentes que destroem as camadas superficiais da pele, seguindo-se, então, da sua regeneração, com uma melhora na aparência geral da pele. É uma forma de esfoliar e acelerar a renovação celular, que pode ser superficial, médio e profundo. Os peelings superficiais precisam ser feitos em série, e sua descamação costuma ser fina, já os peelings médios e profundos são realizados em sessão única, com indução de descamação mais intensa e formação de crostas. Os peelings são conhecidos e estudados há muitos anos sendo um procedimento seguro desde que realizado por profissional capacitado e bem indicado.

Toxina Botulínica

Toxina botulínica, conhecida popularmente como “botox”, é uma proteína produzida pela bactéria Clostridium botulinum. A aplicação mais conhecida da toxina botulínica é para reduzir linhas de expressão, especialmente as rugas da testa, entre as sobrancelhas e nas laterais dos olhos (pés de galinha). A tendência atual é deixar um resultado mais natural, mantendo algum grau de contração e movimento das sobrancelhas.

Não há uma idade certa para iniciar esse tratamento, mas sim uma indicação certa! Pensando em prevenção da formação de linhas e rugas de expressão, a aplicação da toxina está indicada assim que notamos a presença das primeiras ruguinhas (especialmente se elas aparecem sem fazermos qualquer movimento facial – em repouso). Pensando em prevenção, uma indicação bem atual desse produto é a aplicação no terço inferior do rosto e no pescoço, melhorando com isso o contorno da face e prevenindo o aparecimento de alguns sinais indesejados como o código de barras (rugas periorais), a linha de marionete (sulcos labiomentonianos) e o buldogue (pele flácida que aparece na região da mandíbula, prejudicando o contorno da região mais inferior do rosto).

Outra indicação muito interessante da aplicação de toxina botulínica é no tratamento de hiperidrose (produção excessiva de suor). O procedimento pode ser realizado nas axilas, mãos e pés com resultados muito satisfatórios. O procedimento em si é pouco doloroso, com uma recuperação rápida e início de efeito em até 2 semanas. A duração é variável, podendo durar em média 3 meses (em algumas pessoas dura mais, em outras menos). Não é necessário afastamento das atividades diárias e o risco de complicações é muito baixo.

Preenchimento Facial

O preenchimento facial é um procedimento para embelezamento e reestruturação da pele envelhecida, correção de sulcos, rugas e cicatrizes .Um dos principais objetivos dos preenchedores é devolver a sustentação e repor o volume da face, melhorando seus contornos e formas. 

O ácido hialurônico é o principal preenchedor utilizado hoje, sendo uma substância segura, que traz bons resultados e é passível de ser eliminada (nos casos de complicações) com o uso da hialuronidase (enzima que degrada o ácido hialurônico). Alem do efeito de sustentação e volume, o ácido hialurônico ainda consegue melhorar a flacidez da pele através da indução de produção de fibras de colágeno. O preenchimento com ácido hialurônico pode ser realizado para suavizar as olheiras profundas, para dar mais sustentação e volume na região das bochechas (malar), para aumentar e definir os lábios, para projetar o queixo (pode não parecer, mas o queixo é parte fundamental da harmonia facial!) e para realçar o contorno facial (deixar a mandíbula mais marcada). Também conseguimos atenuar alguns sulcos que levam a formação do bigode chinês e linhas de marionete, bem como as linhas finas que aparecem ao redor dos lábios (código de barras). 

O risco de reações contra a substância existe, mas é mínimo, já que produzimos o ácido hialurônico naturalmente no nosso organismo. A duração é de cerca de 12 meses, podendo durar mais ou menos dependendo de fatores como idade, alimentação, prática de atividade física e etc. Para melhores resultados, esse procedimento deve ser combinado aos demais citados anteriormente (laser, peeling e toxina botulínica). Apesar de seguro, é um procedimento que tem alguns riscos e, por isso, deve ser realizado por profissional médico com experiência na área.

Indução Percutânea de Colágeno por Agulhas (IPCA)

É um procedimento que consiste em microperfurações da pele com finas agulhas metálicas que estimulam um processo de  cicatrização natural da derme. Através desse processo de cicatrização, ocorre indução da produção natural de colágeno. É um tratamento indicado para rejuvenescimento da face, melhora de cicatrizes atróficas de acne, atenuação das estrias e também para suavizar manchas de melasma. A técnica pode ser realizada através de rollers (mais comum), canetas elétricas ou carimbos. 

Para fazer o Microagulhamento o paciente não pode estar com a pele bronzeada e não pode apresentar lesões de pele no local a ser tratado (acne ativa, câncer de pele, infecções). A recuperação costuma ser rápida, mesmo nos casos da técnica mais invasiva. Pode-se associar aplicação de ativos como vitamina C ou peeling de ácido retinóico para maximizar os resultados, em pacientes selecionados.

Ultrassom Microfocado

Essa é uma tecnologia mais atual que, através de ondas de ultrassom, age nas camadas mais profundas e superficiais da pele, induzindo a formação de fibras de colágeno e melhorando a firmeza do local tratado.  É responsável por combater a flacidez, rugas e a gordura localizada. Já nas primeiras sessões é possível ver os resultados. 

O procedimento é minimamente invasivo, o que ajuda o paciente a ter uma rápida recuperação com segurança e menos dor. Após e durante o tratamento, é necessário tomar alguns cuidados como manter uma dieta equilibrada e também praticar exercícios físicos, para manter a pele firme. Os protocolos mais utilizados de ultrassom microfocado são os de tratamento das pálpebras, da papada, facial completo, para melhora da flacidez abdominal e da região glútea.

Bioestimuladores de Colágeno Injetáveis

Depois dos 25-30 anos, a produção de colágeno na nossa pele diminui a cada ano, levando ao aparecimento de flacidez, falta de elasticidade e hidratação da pele, além de perda de volume e do contorno do rosto. Após serem injetados na pele, os bioestimuladores estimulam as células responsáveis pela produção de novas fibras colágenas, melhorando os aspectos citados anteriormente. O tratamento pode ser feito através de duas substâncias:

  • Ácido poli-L-láctico: Responsável por repor o volume na face, minimizando as marcas de expressão, melhorando o contorno facial, além de tratar a celulite e flacidez. A substância pode ser aplicada no rosto e também em outras partes do corpo e os resultados podem ser vistos depois de 45 dias da primeira sessão.
  • Hidroxiapatita de cálcio: Indicado para reposição do volume perdido em específicas áreas da face e dorso das mãos, também é um produto com capacidade de bioestimular a formação de fibras de colágeno.

O número de sessões indicadas varia entre os pacientes, dependendo da idade e do grau de flacidez. A associação com o ultrassom microfocado potencializa os resultados. É importante salientar que esses procedimentos só devem ser realizados pelo médico dermatologista. Além de exigir precisão e conhecimento das estruturas anatômicas envolvidas, alguns procedimentos como os lasers e peelings necessitam de uma preparação da pele pelo paciente, durante alguns dias, visando a sua proteção e a otimização dos resultados, assim como cuidados posteriores que devem ser seguidos com rigor.

Entre em contato conosco, agende sua consulta e conheça nossos tratamentos.

Estamos á sua disposição,

Att,

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.