Conheça as Principais Alergias no Verão e Previna-se!

O Verão chegou! A estação que a grande maioria das pessoas espera, porém, com o calor, aumenta a incidência das indesejadas alergias. Sintomas como coceiras na pele, olhos vermelhos, espirros, congestão nasal, tosse seca e até mesmo alergia a picadas de insetos, começam a ser comuns. Identificar os fatores que desencadeiam a alergia em questão é o primeiro passo para a prevenção. Neste caso é recomendado evitar objetos que acumulem poeira e manter o ambiente constantemente limpo e ventilado para evitar a proliferação de fungos e ácaros.

Para que você se prepare para curtir e aproveitar melhor o seu verão, conheça as alergias mais frequentes nesta época e saiba como se prevenir.

Dermatite Atópica

O uso de alguns cosméticos, hidratantes, perfumes e até mesmo protetor solar, devido ao cheiro forte e composições químicas muita das vezes ativa os sintomas da dermatite atópica em algumas pessoas, fazendo surgir manchas avermelhadas na pele, placas descamativas ou “bolinhas”. Essas alterações acometem especialmente o rosto, braços e pernas, mas podem também aparecer no tronco. 

Para evitar este problema o ideal é manter a pele sempre hidratada e lubrificada após o banho utilizando produtos adequados ao seu tipo de pele. Quando as lesões estão ativas, podem ser usados corticóides e antibióticos tópicos, por vezes até os anti- histamínicos.

Dermatite de contato

Esta alergia é caracterizada por lesões de pele semelhantes às da dermatite atópica, mas que aparecem em áreas que tiveram contato com alguma substancia alérgena, normalmente em indivíduos que não tinham história de dermatite atópica. No verão a dermatite de contato acaba acontecendo com maior frequência pela utilização de roupas com tecidos mais sintético (as roupas de banho), pela contato com água da piscina, alguns tipos de alimentos e protetores solares.

Urticária

Uma das principais doenças de pele do verão, a urticária, causa placas avermelhadas edemaciadas no corpo, associadas com muita coceira, de duração passageira (não mais que 24-48h). Geralmente está associada ao uso de medicamentos, alimentos com potencial alergênico, corantes e aditivos químicos e/ou contato com plantas.
O tratamento neste caso consiste em identificar a substância que causou a urticária (quando possível), excluir da rotina e usar medicamentos antialérgicos e calmantes tópicos.

Rinite Alérgica

É causada por uma inflamação da mucosa nasal a partir do contato com substâncias alérgenas como: 

  • Ácaros presentes na poeira;
  • Pêlos;
  • Saliva;
  • Urina ou fezes de Pets;
  • Baratas;
  • Fungos;
  • Plantas.

Após o contato com o agente alergênico é comum surgir espirros, coriza, nariz entupido, dor de cabeça, lacrimejamento, coceiras principalmente na região do nariz, olhos, garganta e boca.

A melhor forma de tratar estes episódios de rinite alérgica é controlando o ambiente com a redução da exposição a estas substâncias causadoras. O tratamento vai incluir medicamentos tópicos e orais para controle da inflamação nasal.

Conjuntivite Alérgica

É uma inflamação que acontece nas membranas finas que envolvem os olhos após a exposição a substâncias comumente causadoras de alergias como já citado acima.

Coceira e vermelhidão nos olhos chegando às vezes até mesmo ao inchaço das pálpebras são sintomas comuns nesses casos.

O tratamento é focado em um aumento do cuidado com a higiene pessoal inserindo o uso de colírios lubrificantes, compressas frias e higiene das mãos.

Fotodermatite

É basicamente uma alergia provocada pela reação do sistema imunológico à exposição à luz solar combinado ao uso de produtos na pele, ingestão de alimentos, medicamentos que interagem nesta combinação.


Os sintomas variam de pessoa pra pessoa e podem ser:

  • Erupção;
  • Prurido;
  • Urticária;
  • Vermelhidão;
  • Manchas escuras;
  • Inchaço.

No primeiro momento pode-se aliviar estes incômodos com uso de gelo e compressa fria.

Se você já apresentou algum sintoma de alergia e sofre com estes sintomas todo verão e deseja uma avaliação, agende uma consulta conosco , através dos telefones (41) 3408.3353 ou (41) 99184.3353

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.