Entre em contato e veja o melhor horário
(41) 3408-3353 | (41) 99184-3353
BLOG

Notícias Clinica Fiore

Febre Amarela: esclarecendo dúvidas frequentes

O que é a Febre Amarela?

A Febre Amarela é uma doença causada por um vírus do gênero Flavivirus, que é transmitido a humanos através da picada de um mosquito infectado.

No Brasil, a Febre Amarela é uma doença endêmica em regiões silvestres das regiões Norte e Centro-Oeste principalmente. Por isso, seres humanos podem ser contaminados esporadicamente ao adentrar a mata para trabalho ou turismo, sendo picados pelo mosquito silvestre infectado. Estes mosquitos também podem transmitir a doença a outros mamíferos, como os macacos.

Em condições ideais de transmissão, um maior número de macacos adoece e morre, chamando a atenção da sociedade. Se nesse período um humano não vacinado pegar a febre amarela silvestre, ele pode dar início a uma epidemia urbana que é transmitida pelo mosquito Aedes aegypti.

febre amarela dúvidas

Então, a doença não é transmitida por macacos?

Não. A doença é transmitida aos humanos através da picada de mosquito. Ela é transmitida aos macacos da mesma forma.

Quais são os sintomas da doença?

Os sintomas podem iniciar de 3 a 15 dias após a picada do mosquito. O quadro clínico clássico inclui febre alta, dor de cabeça, enjôo, inapetência e dor no corpo. Nas formas leves a moderadas os sintomas duram 2 a 4 dias e são amenizados pelo uso de antitérmicos e analgésicos.

Nas formas graves a pessoa apresenta dor no corpo e na cabeça mais intensas, náuseas e vômitos, coloração da pele amarelada, hemorragias, redução do volume da urina. Ocorre morte em 20-50% dos casos graves.

Tem tratamento?

A doença não tem tratamento específico contra o vírus. É feito um tratamento de suporte com antitérmico, analgésico. Nos casos graves, internação em UTI e suporte de vida.

Tem prevenção?

Sim. A doença é prevenida através da vacinação.

Como funciona a vacina?

A vacina contém o vírus da febre amarela em uma forma atenuada, que não é capaz de causar a doença, mas é capaz de gerar imunidade em 90-98% dos casos.

Ela está indicada para todas as pessoas a partir de 9 meses de idade que residem em áreas endêmicas ou vão viajar para essas regiões em dose única. Deve ser aplicada 10 dias antes da viagem.

Quem não pode tomar a vacina?

Como o vírus está vivo dentro da vacina, pessoas com problemas na imunidade não podem tomar pelo risco de contrair a doença. Veja todas as contra-indicações:

  • Crianças com menos de 6 meses
  • Pessoas com história de anafilaxia comprovada a proteína do ovo
  • Pessoas com imunossupressão grave de qualquer natureza:
    • Pessoas com câncer ou em quimioterapia/radioterapia
    • Pessoas com HIV e contagem de CD4 < 200
    • Uso de medicamentos imunossupressores
  • Pessoas que receberam transplante de órgãos
  • Pessoas com história de doença no timo (miastenia gravis, timoma, remoção cirúrgica do timo)
  • Portadores de lúpus (se estiverem recebendo medicação imunossupressora)
  • Gestantes (avaliar caso-a-caso)

E os idosos?

Os idosos com mais de 70 anos que nunca foram vacinados tem maior risco de fazer evento adverso grave após tomar a vacina.

A recomendação vai depender das doenças que a pessoa apresentar, do tipo de viagem que irá fazer, do tempo de permanência, entre outros fatores.

É recomendada uma avaliação pelo médico Geriatra antes de vacinar o idoso.

Quais regiões precisam receber a vacina agora?

Foram confirmados casos de Febre Amarela no RJ, SP, MG e DF.

febre amarela

Toda a região em cinza no mapa acima representa a região endêmica do país, para a qual você deve se vacinar em caso de viagem. A região branca do mapa representa as áreas sem recomendação de vacina, que inclui Curitiba e litoral do Paraná. No momento, devido ao surto da doença, você também precisará se vacinar ao viajar para o Rio de Janeiro e São Paulo, que não eram zonas de risco anteriormente.

Fontes:

  • portalms.saude.gov.br
  • Ministério da Saúde: campanha de vacinação contra Febre Amarela – jan/2018
  • Ministério da Saúde: guia para profissionais de saúde – 2017
  • www.sbgg-sp.com.br

Clínica Fiore

Author

view all posts

Deixe uma resposta